CRF-PA | Anvisa disponibiliza novas bulas no Bulário Eletrônico
Acesse os serviços online em qulaquer lugar
Conselho regional de farmácia do Estado do Pará
7595
post-template-default,single,single-post,postid-7595,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,footer_responsive_adv,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-11.2,qode-theme-bridge,bridge-child,wpb-js-composer js-comp-ver-6.10.0,vc_responsive
 

Anvisa disponibiliza novas bulas no Bulário Eletrônico

Anvisa disponibiliza novas bulas no Bulário Eletrônico

A partir desta quarta-feira (18/4), o Bulário Eletrônico da Anvisa contará com mais 135 bulas de medicamentos. Já seguindo as novas regras contidas na RDC 47/09, as bulas têm letras maiores, texto mais simples para o paciente e conteúdo revisado.

Para dar mais celeridade ao processo de análise de bulas adequadas às novas regras (RDC 47/09) e aumentar o número de bulas publicadas no Bulário, a Anvisa estuda estabelecer parceria com Universidades Federais do Brasil. Nesta quarta e quinta-feira (18 e 19/4), a Equipe do Projeto Bulas e Rótulos da Gerência Geral de Medicamentos está reunida com professores de faculdades de farmácia e de outras áreas da saúde para a construção do método de trabalho.

O Bulário também está disponível em nova versão, concebida para facilitar a pesquisa. Ao digitar as primeiras três letras do nome do medicamento ou do nome do principio ativo, aparecerão todos os nomes que se encontram cadastrados na base até o momento. Assim, basta escolher uma das opções. A ferramenta de Busca Avançada também pode ajudar a filtrar a pesquisa na base de bulas.

Outra novidade do Bulário é a disponibilização do histórico de atualizações, onde é possível visualizar todas as versões de bulas do medicamento, da mais recente até a mais antiga. Para cada uma é possível verificar: a data de aprovação pela Anvisa; quais itens foram atualizados; e, caso seja uma Bula Padrão, se as alterações devem ser consideradas nas bulas dos medicamentos que a seguem.

Fonte: Anvisa

Nenhum comentário

Deixe um comentário