Mensagem do Presidente 2008 — CRF-PA
Acesse os serviços online em qulaquer lugar
Conselho regional de farmácia do Estado do Pará
11053
page-template-default,page,page-id-11053,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,footer_responsive_adv,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-11.2,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.2.1,vc_responsive
 

Mensagem do Presidente 2008

Setembro 2008

Caros colegas farmacêuticos,

Desde o início do ano temos trabalhado de forma incansável pela valorização do profissional, bem como, o fortalecimento da classe farmacêutica. Assumimos o compromisso em busca de avanços para a comunidade e, desde então, estamos desenvolvendo muitos trabalhos no Pará e Amapá.

Logo em janeiro, nomeei algumas Câmaras Técnicas para serviços especializados do segmento farmacêutico no Pará, com isso foram construídas as Câmaras Técnicas de Farmácia Hospitalar, Análises Clínicas – Toxicológicas e de Manipulação, para garantir qualidade nos serviços farmacêuticos nos segmentos citados. 

Realizamos uma brilhante festa em homenagem ao dia do farmacêutico, com o objetivo de estimular e valorizar as atividades da categoria. Construímos o VII Ciclo de Conferências em Ciências Farmacêuticas do Estado do Pará,  que aconteceu em Belém, no mês de maio e contou com a participação de mais de 600 pessoas, entre profissionais e estudantes. Em junho, no município de Santarém, aconteceu o V Ciclo de Conferências em Ciências Farmacêuticas do  Oeste do Estado, onde cerca de 130 colegas participaram. Realizamos também, o II Ciclo de Conferências em Ciências Farmacêuticas do Sudeste do Pará, no município de Marabá.

Ainda no mês de junho, o CRF firmou um Termo de Ajustamento de Conduta, em Ananindeua, que torna obrigatória a presença de um farmacêutico responsável inscrito no CRF nas farmácias em funcionamento naquele município, garantindo também outros benefícios para os anos seguintes.

No verão, estivemos à frente da inédita OPERAÇÃO VERÃO DO CONSELHO mantendo vigilância em b torno de 33 municípios, tentando diminuir os problemas relacionados à utilização incorreta de produtos farmacêuticos.

Além de objetivar avanços e discussões pertinentes à categoria, o CRF também se preocupa em realizar ações sociais. Concretizamos no mês de março a entrega de mais de uma tonelada de alimentos doados pelos farmacêuticos à creche Filhos do Aurá que atende cerca de 50 crianças e ao Sítio Boa Morada que presta assistência a dependentes químicos. Também doamos mais de 600 kits de Higiene dental, divididos entre o Sítio Boa Morada, Creche Santa Rita de Cássia e Creche Filhos do Aurá.

Estamos passando para mais um semestre de atividades. Conseguimos pôr em prática muitos compromissos pautados no início da gestão. Mas não nos damos por satisfeitos, nesse mês de setembro iremos fiscalizar o Sul e Sudeste do Estado e aproveitaremos para realizar o I CICLO DE CONFERÊNCIAS EM CIÊNCIAS FARMACÊUTICAS DO SUL DO PARÁ NO DIA 17 DE SETEMBRO, EM REDENÇÃO. Vamos participar no período de 10 a 11 de setembro do ENCONTRO NACIONAL DE FISCALIZAÇÃO, em Brasília, que irá discutir e avaliar o processo de fiscalização em todo o País sempre com o intuito de trazer novas conquistas para a comunidade farmacêutica paraense.

Um forte abraço,

 Dr. DANIEL JACKSON PINHEIRO COSTA

Outubro 2008

Caros colegas farmacêuticos,

Mais uma vez conseguimos cumprir com responsbilidade os nossos compromissos. No mês de setembro, nos dias 10 e 11,  estivemos presente no Encontro Nacional de Fiscalização, que aconteceu em Brasília. Este encontro nos proporcionou discussões sobre o processo de fiscalização em todo o país sempre em parceria com o nosso Conselheiro Federal Walter Jorge.

Em complemento à atividade de fiscalização, conseguimos realizar de uma forma inédita o I Ciclo de Conferências em Ciências Farmacêuticas do Sul do Pará, que aconteceu no dia 17, no município de Redenção. Dialogamos com os colegas e traçamos um cronograma de trabalho da fiscalização que começou por Redenção e vai se estender para outros municípios do Sul do Pará.

Este foi um trabalho muito importante, uma vez que, o processo de fiscalização no interior do Estado se intensifica. Desde o mês de abril o CRF já fiscalizou mais de 70 municípios, proporcionando muitos postos de trabalho para os farmacêuticos de todo o Estado e de janeiro a março fiscalizamos apenas o município de Belém para garantir a presença do colega na farmácia. Além do fortalecimento da categoria, quem ganha com isso também é a população, que conta com profissionais idôneos e competentes para tirar suas dúvidas na busca da saúde como bem-estar físico-psiquico-social.

Estamos contentes com as conquistas alcançadas, mas sabemos que ainda tem muito trabalho pela frente. No mês de outubro pretendemos alcançar com o Termo de Ajuste de Conduta os municípios de Tucuruí e Santarém, já estamos com as audiências marcadas e iremos reunir com todos os agentes fiscalizadores (PROCON, VISA E MP) para implementar em mais estes 2 pólos a Assistência Farmacêutica nas Farmácias, reforçando cada vez mais o compromisso de seguirmos rumo ao progresso de nossa amada profissão farmacêutica.

 

Um forte abraço,

 “ zelando pela profissião farmacêutica à serviço da Sociedade ”

 Dr. Daniel Jackson Costa

Novembro 2008

Caros colegas farmacêuticos,

No mês de outubro, iniciamos um trabalho de implementação da assistência farmacêutica em dois municípios pólos de concentração de farmacêuticos e farmácias com o intuito de garantir a presença dos serviços farmacêuticos para a sociedade.

Nos dias 14 e 15 de outubro nos reunimos com os farmacêuticos, PROCON, Vigilância Sanitária e Ministério Público em Tucuruí para efetivar o Termo de Ajuste de Conduta (TAC) no município, onde acordamos que no próximo dia 4 de dezembro durante a audiência pública a ser realizada no shopping da cidade, assinaremos o TAC que trará enorme beneficio para a profissão e a sociedade em Tucuruí.

Durante o período de visita naquele município, estive acompanhado do Dr. Pirajaguara Ferraro, diretor tesoureiro do CRF, e do Dr. Antônio César, fiscal farmacêutico do CRF. Estas visitas foram importantes, também, porque conseguimos agregar e atualizar os colegas do sudeste paraense.

A exemplo de Tucuruí, nos reunimos nos dias 21 e 22 de outubro, no município de Santarém com os mesmos agentes (farmacêuticos, PROCON, Vigilância Sanitária e Ministério Público) para efetivar o TAC em Santarém. Neste encontro, estive acompanhado do Dr. Walter Jorge João, conselheiro federal de farmácia. Em diálogo com os colegas farmacêuticos do oeste paraense, acordamos que no próximo dia 20 de novembro, durante a audiência pública que será realizada no Instituto Esperança de Ensino Superior, assinaremos o TAC, que também trará grandes vantagens para os profissionais da categoria e a sociedade em Santarém. 

Neste mês de novembro estaremos dando continuidade em nossas atividades, sempre em busca do fortalecimento da profissão, mantendo compromisso com a sociedade.

Um forte abraço,

“zelando pela profissião farmacêutica à serviço da Sociedade”

Dr. Daniel Jackson Costa

PRESIDENTE

Dezembro 2008

Caros colegas farmacêuticos,

No mês de novembro, estivemos trocando experiências com os estudantes do curso de farmácia no ciclo de palestras “Quintas do farmacêutico”, realizado pelo Programa de Educação Tutorial de Farmácia (PET-Farmácia) da Universidade Federal do Pará. Foi uma atividade muito prazerosa, uma vez que, pude contribuir com informações históricas da profissão, indiquei alternativas de trabalho que não competem com outras áreas, e também acentuei a importância da atuação dos Conselhos Regional e Federal de Farmácia para a categoria.

Além disso, fecharemos os meses de novembro e dezembro muito felizes com o trabalho desenvolvido pelo nosso Conselho diante da aprovação do Termo de Ajuste de Conduta (TAC), em Santarém e Tucuruí. Frente a muita resistência por parte dos proprietários das farmácias, travamos uma luta para que o Termo fosse assinado, e assim, trazer avanços para a comunidade farmacêutica no oeste e sudeste paraense. Contudo, conseguimos!

O TAC foi assinado e, sua implementação tanto em Santarém quanto em Tucuruí compõe um cenário de grandes conquistas da profissão farmacêutica no Estado do Pará. O Termo vai fazer valer o direito da sociedade de contar com os nossos serviços nas farmácias e drogarias dos referidos municípios.

Caros colegas, sem dúvida alguma, ao avaliar o ano de 2008 percebemos o quanto nosso CRF pôde avançar na conquista de inúmeros postos de trabalho através de nossa intensa fiscalização, não só na capital como também no interior do Estado.

Este ano fiscalizamos mais de 75 municípios paraenses. Para atender a todos da melhor maneira possível, utilizamos avião, barco, balsa e carro através do nosso Conselho Itinerante, que leva os serviços de Secretaria, Fiscalização e Protocolo ao interior.

Conseguimos assegurar o exercício pleno da citologia clínica pelo farmacêutico ao barrar o corporativismo de outras profissões, que não queriam permitir o advento do farmacêutico neste segmento tão importante de nossa profissão, fora outras situações de conflito que surgem no cotidiano.

Vale ressaltar o intenso trabalho feito pela Comissão de Educação Continuada do CRF, que com o total apoio da Diretoria do regional e do Conselho Federal, conseguiu alcançar os principais pólos de concentração de farmacêuticos no Pará, sem contar com o apoio prestado às iniciativas das universidades, centros acadêmicos etc.

No entanto, podemos ressaltar as seguintes realizações deste ano:

  • VII CICLO DE CONFERÊNCIAS EM CIÊNCIAS FARMACÊUTICAS DO PARÁ: BELÉM-PA

  • V CICLO DE CONFERÊNCIAS EM CIÊNCIAS FARMACÊUTICAS DO OESTE DO PARÁ: SANTARÉM-PA

  • II CICLO DE CONFERÊNCIAS EM CIÊNCIAS FARMACÊUTICAS DO SUDESTE DO PARÁ: MARABÁ-PA

  • I CICLO DE CONFERÊNCIAS EM CIÊNCIAS FARMACÊUTICAS DO SUL DO PARÁ: REDENÇÃO-PA

Todos estes eventos contaram com a maciça participação dos colegas farmacêuticos paraenses e serviram como um importante momento de intercâmbio científico e cultural, além de funcionar como espaço de congregação da classe.

Neste ano que se conclui, conseguimos perceber a forte presença do Conselho Federal de Farmácia no Pará, graças ao intenso trabalho do nosso Conselheiro Federal Dr. Walter Jorge João. Sem dúvida alguma, os laços profissionais tendem a se fortalecer cada vez mais, para juntos fazermos a melhor profissão farmacêutica do Brasil. Somos exemplo de união enquanto gestores da profissão para o resto do país. No próximo ano pretendemos aperfeiçoar ainda mais essa união e congregação da categoria.

O ano de 2009 inicia com um leque de oportunidades para os colegas farmacêuticos. Os TAC´s que foram firmados no interior, em Ananindeua e Belém são modelos para o resto do país pela inteligência de sua formatação e por permitir que o farmacêutico na farmácia não seja uma utopia, e sim uma realidade boa para não só para os profissionais, mas também para a sociedade.

No ano que se aproxima, retomaremos o trabalho da Câmara Técnica de Farmácia Hospitalar, que em 2008 fizemos um verdadeiro raio-x do sistema de farmácia hospitalar da Santa Casa de Misericórdia, para oferecer, assim, uma melhoria nas condições de trabalho daquele local. E vamos investir em mais hospitais no ano que vem, para sempre servir bem ao colega farmacêutico.

Iniciamos em 2008 e pretendemos finalizar até março de 2009 uma ampla reforma na Sede do Conselho, começamos por uma reforma e revisão de toda a parte elétrica, hidráulica, sanitária e instalações de internet e telefone. Partiremos para uma troca geral do telhado do prédio, depois vamos começar a revitalização da fachada com o intuito de mostrar à sociedade a verdadeira força de nossa profissão, além de reformar todos os ambientes internos do CRF.

O trabalho de reforma da sede é extremamente oneroso e nos causou muitos infortúnios pelo fato de estarmos na obra durante sua execução. Contudo, desde já pedimos desculpas àqueles que vieram ao CRF nesse período e presenciaram a poeira e o entulho da obra. Nossa pretensão é construir o auditório e o lounge de eventos ainda em 2009, porém estamos atrás de recursos para viabilizá-los. O início desta reforma só foi possível graças a um empréstimo que conseguimos do CFF, e que ainda em 2009 teremos que dar início ao pagamento. No término do empréstimo vamos investir na construção do espaço de eventos do CRF, para trazer o colega farmacêutico cada vez para dentro do Conselho.

Meus nobres colegas, 2008 foi cansativo demais porque muito fizemos para mostrar a cara da profissão farmacêutica paraense. Mas tenho certeza que 2009 será igualmente cansativo, porém quero agradecer todo o apoio e respaldo que venho obtendo por parte de cada um de vocês. Tenham absoluta convicção que estou em busca do melhor para nós, e esse objetivo só irei alcançar se contar com o apoio de todos vocês, não só nos momentos de embate, mas também nos momentos de confraternização.

Muito obrigado pelo carinho e apoio. Espero que todos possam receber a tempo a singela homenagem que o CRF presta a cada um de vocês pelo transcurso do natal e ano novo. Espero que todos tenham momentos felizes durante as festas de final de ano e, em 2009 estejam com o ânimo renovado para prosseguirmos fortes em busca de nossos objetivos.  

Um forte abraço,

Dr. Daniel Jackson Costa

PRESIDENTE

“Zelando pela profissião farmacêutica à serviço da Sociedade”