Mensagem do Presidente 2017 — CRF-PA
Acesse os serviços online em qulaquer lugar
Conselho regional de farmácia do Estado do Pará
10524
page-template-default,page,page-id-10524,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,footer_responsive_adv,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-11.2,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.2.1,vc_responsive
 

Mensagem do Presidente 2017

Janeiro 2017

Caros colegas farmacêuticos,

 

Antes de mais nada, gostaria de iniciar essa mensagem com um Feliz Ano Novo! Que este ano nos traga a esperança de novas conquistas e vitórias para a nossa profissão. Depois de um ano extremamente agitado e produtivo com ações para a categoria e a realização do 6º Congresso Norte & Nordeste de Ciências Farmacêuticas que escreveu mais um capítulo da história da profissão, 2017 não pode ficar para trás – e, com apenas um mês de 2017, já percebo que os rumos são os melhores possíveis.

 

Começamos com o pé direito com a realização de quatro Plantões da Diretoria: no dia 10, destinei minha atenção aos profissionais da SESMA em Belém, ocasião na qual conversamos sobre as necessidades e especificidades dos profissionais atuando na Secretaria; já no dia 11, estive em Castanhal, onde pude conversar com os colegas sobre questões administrativas e relativa à profissão de forma geral. Parauapebas e Marabá também contaram, nos dias 18 e 19.01, com edições especiais do Plantão da Diretoria que contaram com a presença do Sindicato dos Farmacêuticos do Pará em momentos ímpares de união sindical e como forma de despertar a necessidade de maior atenção e dedicação à profissão.

 

Em Janeiro também já pudemos comemorar, em dois municípios, importantes vitórias para todo o estado – a assinatura do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) em Tailândia e Salinas! Agora já são 30 TAC’S assinados em todo o território paraense e milhares de vidas que passam a contar com o farmacêutico em tempo integral nos estabelecimentos, além do crescimento do emprego e da garantia dos nossos direitos.

 

Dando continuidade à jornada de capacitação, tivemos um saldo extremamente positivo, realizando quatro cursos de qualificação profissional. Antes dos Plantões da Diretoria em Marabá e Parauapebas, respectivamente, a 11ª e 9ª edição do Curso de Atualização Farmacêutica foram realizadas nos municípios. Altamira e Abaetetuba também receberam edições dos cursos, com presença de palestrantes altamente capacitados. É participando, promovendo e prestigiando, que construiremos um novo panorama de valorização profissional, sempre tendo como fim maior o compromisso com o usuário.

 

Após a tradicional oportunidade de reencontrar velhos amigos e confraternizar no Café da Manhã realizado na sede e seccionais do CRF/PA, segui para a 12º Seminário Belém de Atualização Farmacêutica, alusiva ao Dia Nacional do Farmacêutico, comemorado no dia 20.02, e que marcou a data com a valorização e fomento profissional que sempre precisamos e precisaremos.

 

Para finalizar os eventos desse mês extremamente profícuo,  tive a oportunidade de participar, no dia 31.01., de reunião com os Drs. Licínio Lira e Nailda Pantoja, representantes do Laboratório Central do Estado do Pará e firmar, na ocasião, parceria para apoio e divulgação ao XX Encontro Nacional de Analistas de Alimentos e o XI Congresso Latino Americano de Analistas de Alimentos promovido pela Sociedade Brasileira de Alimentos, que será realizado em Belém, no Hangar, entre 13 a 16 de agosto de 2017. O evento, cujo tema central é a segurança alimentar e a biodiversidade, tem a categoria farmacêutica como foco e terá nosso apoio!

 

Agradeço a Deus a saúde e o foco no trabalho e a todos vocês pela confiança. Estaremos sempre dispostos ao trabalho em favor da nossa categoria e fevereiro promete ainda mais ações e vitórias!

Um forte abraço a todos.

 

DANIEL JACKSON PINHEIRO COSTA

Presidente do Conselho Regional de Farmácia do Estado do Pará

Fevereiro 2017

Caros colegas,

 

Embora fevereiro seja um mês curto, nossa agenda de atividades foi, como já é de praxe, lotada de trabalho, realizações e grandes avanços! Tivemos a honra de concretizar a assinatura de mais dois TAC’s importantíssimos, realizar Plantões da Diretoria, cursos e muitas outras atividades em prol da nossa categoria.

 

Dando início aos trabalhos, logo no primeiro dia do mês pude realizar um Plantão da Diretoria em Belém, com os colegas atuantes nas principais distribuidoras de medicamento da região metropolitana. Outros três plantões foram realizados em fevereiro nos municípios de Paragominas (14.02), Novo Progresso (17.02) e Dom Eliseu (23.02). Em Novo Progresso, tive a oportunidade de reunir com a Vigilância Sanitária, Secretaria de Saúde, Ministério Público para promover o TAC na região em breve.

 

Tais edições do Plantão da Diretoria são sempre oportunidades únicas de ouvir de perto das inquietações pertinentes ao nosso exercício profissional. E tais inquietações são combustível para a luta e busca por maiores conquistas profissionais.

 

Nos dias 3 e 4.02, o CRF/PA promoveu a quinta edição do Futuros Farmacêuticos – dessa vez alcançando o sul do estado, no município de Redenção. O curso que é voltado exclusivamente para os graduandos do curso de Farmácia, me deu a oportunidade de falar um pouco do panorama da profissão farmacêutica em nível regional e nacional, além de expor os principais campos de atuação.

 

Seguindo os rumos acadêmicos, estive presente em dois eventos em Belém que me proporcionaram o contato com nosso futuros colegas de profissão. O primeiro ocorreu dia 7.02 na Semana do Calouro do CESUPA e o segundo no dia 15.02 com os alunos da UNAMA, campus BR. Ambos foram extremamente proveitosos para esclarecer um pouco sobre o universo farmacêutico e ser sempre reenergizado pela vontade de aprender e crescer da comunidade acadêmica.

 

Em meio a essas atividades, estive presente em um momento especial e uma espécie de realização pessoal, e da profissão farmacêutica na região sul do Pará – a formatura da primeira turma de farmácia do município de Redenção. Posso dizer que ter visto vários rostos que, mesmo diante dos desafios e batalhas diárias, receberam a carteira provisória do CRF/PA me deixam extremamente feliz.

 

Voltando aos cursos, no dia 16.02 fomos ao oeste paraense em nossa intensa caminhada pela qualificação da profissão realizando o XI Curso de Atualização Farmacêutica de Santarém. Sem dúvida alguma, esse é um momento de extrema felicidade por dividir com os colegas as possibilidades de avanço, discutir nossas prerrogativas profissionais e os avanços que protagonizamos diariamente no Pará e no país como um todo fortalecendo a importância do farmacêutico como fator indissociável e necessário à saúde.

 

Por fim, podemos celebrar mais duas assinaturas do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) – nos municípios de Dom Eliseu e Ulianópolis, ambos no dia 23.02. Esses termos representam mais oportunidades para a categoria farmacêutica, mais direitos da sociedade sendo atendidos e, sobretudo, mais farmacêuticos fazendo a diferença na vida da sociedade paraense.

Março 2017

Caros colegas,

 

Chegamos ao fim de mais um mês e ao encerramento de um trimestre do qual me orgulho muito. Março foi um mês de grandes conquistas e, principalmente, de novas experiências. Projetos saíram do papel e se tornaram realidade. Em um mês agitado, realizamos os Plantões e cursos, como já de praxe. Trouxemos mais assinaturas de TAC’s e colocamos em prática o mais novo projeto do CRF/PA: o Farmacêuticos S/A.

 

É por este projeto que começo nossa jornada. Nos dias 3 e 4 de março, a categoria farmacêutica de Belém conheceu o Farmacêuticos S/A, uma série de cursos que visa fornecer ferramentas fundamentais para o farmacêutico que deseja traçar seu próprio caminho. Outra edição ocorreu em Santarém, nos dias 31.03 e 01.04. Estou confiante sobre o projeto e grato pela forte adesão que as duas edições tiveram por parte dos profissionais. Pretendo levar o curso aos quatro cantos do Estado do Pará e pode promover o debate acerca de todas as áreas nas quais o farmacêutico pode se destacar como gestor do próprio negócio.

 

Entre as atividades recorrentes, pude realizar dois Plantões da Diretoria em março. O primeiro foi em Santarém, no dia 04.03, quando pude conversar com grande parte dos colegas da região e apresentar os planos do CRF/PA para o ano em especial nas ações voltadas para os colegas empreendedores. Outro foi no município de Novo Progresso (30.03), em que além de promover o Plantão, conseguimos implementar o Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) na região.

 

Foi a vez do município de Novo Progresso ganhar mais direitos e dar um passo em direção ao avanço. O TAC foi assinado em Audiência Pública na Câmara Municipal do município e contou com a presença do promotor de justiça, Dr. Gustavo de Queiroz Zenaide, do Secretário de Saúde; Dr. Eloído Bertollo, de representante da Vigilância Sanitária Municipal; Dra. Christyane Souza Rezende e de farmacêuticos e proprietários da região.

 

Foi uma caminhada e trabalho intenso até conseguirmos mas, mesmo com todas as adversidades, vencemos barreiras, superamos os desafios impostos pelas condições do nosso estado para mudar vidas: proporcionando à sociedade o direito básico e inalienável de contar com o serviço farmacêutico e, ao farmacêutico, um olhar cada vez mais diferenciado da profissão, fomentando o crescente espírito empreendedor.

 

No dia 6.03, tive a oportunidade, junto com o membro da diretoria do CRF/PA, Dr. Deick Quaresma, de participar de reunião na qual pude conhecer os novos integrantes do Centro Acadêmico do curso de Farmácia da ESAMAZ, CAFAR. Como sempre digo, o contato com os estudantes é reenergizante e ver a satisfação e força de vontade em mudar a profissão é sempre uma inspiração. E tenho plena certeza que a parceira e a relação cada vez mais estreita só trarão os melhores frutos possíveis para a profissão e para a sociedade.

 

Para finalizar as atividades de março e ainda envolvido com a graduação, participei da I Jornada Acadêmica de Farmácia da Estácio Castanhal, no dia 28.03, que abordou o novo perfil profissional do farmacêutico no século XXI. Na ocasião, pude ter um bate papo extremamente produtivo com mais de 300 futuros colegas farmacêuticos e abordar o panorama profissional farmacêutico no Pará e o que há de mais novo na profissão em nível nacional.

 

Encerro o trimestre com o sentimento de dever cumprido e com a confiança de que Abril nos proporcionará muitos outros avanços. O trabalho segue intenso e em crescimento. Agradeço primeiramente a Deus, pela oportunidade de poder dar o meu melhor e à categoria farmacêutica por depositar sua confiança no nosso trabalho. E vamos com Deus à frente e foco no projeto porque o trabalho não para!

Abril 2017

Caros colegas farmacêuticos,

 

No mês de Abril, demos início a um novo trimestre em nossa jornada. Um momento de renovação de forças para uma jornada pautada em trabalho e que nunca deve parar. E esse mês já nos trouxe excelentes resultados: TAC’s, Cursos de Atualização que mantém nossa caminhada de educação continuada, edições do Futuros Farmacêuticos, continuidade ao projeto Farmacêuticos S.A e muito mais! Tudo isso em nome de uma profissão cada vez mais forte e reconhecida.

 

Reconhecimento que vivemos com uma notícia extremamente recompensadora que recebemos no mês de Abril: o Farmacêutico Pai D’Égua virando Lei! Desde o dia 26.04, a Lei Municipal que prevê que todos os estabelecimentos farmacêuticos de Belém passem a disponibilizar postos de coleta de medicamento – o nosso já conhecido “descartômetro”, idealizado e concretizado no projeto Farmacêutico Pai D’Égua e que ecoa agora por todo o município a serviço da sociedade e em favor do meio ambiente. Aproveito a oportunidade para agradecer todos que acreditaram no projeto e o fizeram ser real.

 

Enfim, o reconhecimento também é vivenciado em conquistas como a assinatura dos Termos de Ajustamento de Conduta que reafirmam o espaço e importância do farmacêutico, além de garantir mais postos de trabalho e, à sociedade, um serviço de qualidade. No início do mês, três municípios tiveram a oportunidade de passar a contar com assistência farmacêutica integral: Rondon do Pará, Abel Figueredo (ambos assinados no dia 06.04) e Santa Maria (11.04).

 

Após a assinatura do TAC já segui para Castanhal no dia 12.04, onde realizamos a primeira edição do Farmacêuticos S.A no município. E, dado o sucesso e interesse notado por parte da categoria, realizamos também o projeto recente e extremamente frutífero em Marabá nos dias 07 e 08.04. Em todos os momentos, tive a oportunidade de apresentar o projeto – que já se consolida firme em nossa agenda – e qualificar os profissionais da região, levando a eles os melhores nomes do cenário empreendedor.

 

Quanto à caminhada de educação continuada já frequente e necessária, dois Cursos de Atualização Farmacêutica foram realizados durante o mês – um em Paragominas no dia 19.04; e outro em Tucuruí no último dia 27.04. Aproveito também para parabenizar os colegas dos locais pelo comprometimento e doação à profissão. Fico muito feliz de participar de momentos como esses e perceber os avanços que profissão farmacêutica vivencia.

 

E pensando no futuro, os nossos futuros colegas de profissão também tiveram atenção especial a realização de duas edições do Futuros Farmacêuticos no último dia 24.04. Participamos de momentos diferentes: um exclusivo aos alunos da FIBRA e, no mesmo dia pela parte da noite, outro destinado exclusivamente aos alunos da ESAMAZ. Ambos os públicos tendo a vontade de fazer diferente como ponto em comum.

 

Enfim, em janeiro assumi compromisso com os colegas atuantes no segmento da logística farmacêutica – principalmente os que atuam especificamente em segmentos atacadistas de produtos farmacêuticos. E, como considero honrar compromissos um dos princípios fundamentais de qualquer relação respeitosa, honrei tal compromisso pudemos proporcionar uma primeira experiência ímpar e que agora passa a fazer parte do calendário do CRF/PA: o Workshop na área de Logística que finalizou nossas tarefas de Abril com a certeza que a novidade e o trabalho são sempre bem vindos.

 

Dessa forma me despeço e agradeço, mais uma vez, a Deus que está à frente e pavimentando o caminho para que eu possa ser um agente me favor da profissão farmacêutica. E garanto: o trabalho não para!

 

Um forte abraço a todos.

Maio 2017

Caros colegas,

 

Mais um mês que passou rapidamente na mesma intensidade das nossas atividades, e foi cheio de realizações e projetos para o futuro. Maio foi intenso e marcado por atividades que deram continuidade à nossa jornada em busca de uma profissão farmacêutica cada vez mais forte. Plantões, Cursos de Qualificação, foco na Saúde Pública, reuniões decisivas e outros momentos construíram um cenário positivo e (ainda mais) promissor.

 

Para dar início à narrativa do nosso mês, realizamos dois Plantões da Diretoria – logo no início do mês em Barcarena (02.05) e, em seguida, em Tailândia (09.05). Momentos nos quais pude sentar ao lado de colegas e conversar um pouco mais sobre as resoluções do Conselho Federal de Farmácia, legislações sanitárias e profissionais e, sobretudo, ouvir. Ouvir as demandas de um número significativo de farmacêuticos que puderam usar o momento como uma ferramenta de crescimento e aprimoramento pessoal e profissional. Agradeço às trocas que tivemos nos dias e tenho certeza que os resultados serão positivos.

 

Mas ressaltando a importância da qualificação, realizamos diversos Cursos de Atualização: em Tucumã (04.05); Xinguara (05.05); a primeira edição em Capanema, Bragança e Salinas, no dia 24.05 – sendo este como forma de consolidar o Termo de Ajustamento de Conduta nas regiões e promover o avanço da profissão no local. Além dos cursos no interior, tivemos também a décima terceira edição do Seminário Belém de Atualização Farmacêutica, na capital paraense, no dia 23.05. Além de um momento de aprendizado com convidados renomados, tive a oportunidade de conversar um pouco sobre a intensa caminhada que nós trilhamos diariamente no interior do estado e os desafios diários.

 

Ainda sobre nossa educação continuada, nosso projeto Farmacêuticos S.A se solidificou e avançou pelo estado, tendo duas edições no mês de maio. A primeira realizada em Santarém, no dia 12.05 e a segunda em Parauapebas, dia 20.05. Gostaria de agradecer aos colegas que puderem participar desse momento de renovação de conhecimento, aprofundamento teórico e prático e, sobretudo, de troca de vivências e experiências entre profissionais comprometidos. Espero que o Farmacêuticos S/A continue mudando a vida de cada um dos farmacêuticos nos lugares por onde passamos em nossa caminhada.

 

No dia 10.05, promovemos o 2º Fórum de Saúde Pública, fruto dos debates entre o nosso Grupo de Trabalho e a Comissão de Saúde Pública, presidida pelo Dr. Deick Quaresma e que surgiu no sentido de fomentar cada vez mais o processo de inserção e fiscalização da presença de farmacêuticos e insumos nos estabelecimentos públicos. Queremos preparar o farmacêutico para o controle social e brigar com as entidades (especialmente as públicas) para que elas possam proporcionar condições para o exercício da profissão farmacêutica nos termos da Lei 13.021/14. É nosso direito e nosso dever!

 

Dois eventos de grande satisfação e renovação profissional e pessoal ocorreram esse mês – ambos diferentes, porém regozijantes do ponto de vista da construção de um futuro farmacêutico melhor. O primeiro foi a participação que tive na abertura da 6º Semana Acadêmica de Farmácia da ESAMAZ, no dia 16.05, em que o CRF/PA esteve ativo na construção do evento e pude falar em nome da instituição passando a mensagem de que a nossa profissão em suas mais de 100 áreas de atuação precisa ser abraçada, precisa ser amada e, sobretudo, precisa ser honrada.

 

O segundo foi o coquetel de inauguração da sede da Cooperativa dos Farmacêuticos independentes (COOFARMI), um momento ímpar de união da categoria farmacêutica no Pará. Uma cooperativa que saiu na frente e teve o ineditismo como principal qualidade. Além da atitude, coragem e desprendimento de concretizar um sonho já sonhado por muitos colegas. Eu como presidente desta categoria, me sinto honrado de participar de um momento histórico da nossa profissão e só tenho a desejar todo o meu apoio e sorte nesse novo caminho.

 

Por fim, desejo a todos um excelente mês de junho, agradeço aos que estiveram ao meu lado nessa caminhada e já adianto os planos para o futuro porque o trabalho não deve parar. Em breve teremos mais uma seccional em nosso estado, mais um apoio aos nossos colegas – dessa vez de Redenção e região. Um novo lar para os farmacêuticos e a garantia de um atendimento com excelência às demandas individuais e coletivas do Sul paraense. Com Deus à frente e foco no projeto, podemos mudar o mundo. Vamos continuar de mãos dadas porque os resultados serão os melhores sempre! Obrigado a todos que torcem pela caminhada!

Junho 2017

Caros colegas farmacêuticos,

 

Com o fim de junho, encerramos um semestre de atividades intensas e vantajosas para nossa categoria. E junho não ficou pra trás, repleto de eventos que engradeceram a nossa profissão e qualificaram nossos profissionais. Mais uma vez fomos além, com TAC’s e cursos de atualização onde nunca antes tínhamos chegado. E claro, também pudemos contemplar a nossa categoria num grande momento de festividade.

 

Estamos, é claro, falando a maior homenagem da categoria farmacêutica do estado: a Solenidade dos Farmacêuticos. Realizado no dia 3.06, foi um momento único de congraçamento da nossa profissão, em que pudemos estar prestigiando os colegas que mais se destacaram no ano de 2016. Em tempos de evoluções e conquistas, momentos de união como esses mostram que o cuidado farmacêutico é nosso combustível para fazer a diferença.

No dia 8.06 me dirigi a Santarém para uma série de eventos, ao que de início pude prestigiar a formação de mais uma turma de colegas Farmacêuticos formados pela Universidade Federal do Oeste do Pará (UFOPA). E só posso dizer que me sinto agradecido pela oportunidade de renovar meus laços e compromissos com a profissão farmacêutica, por me reenergizar com os espíritos novos que se uniram à bela arte de ser farmacêutico.

 

Os dois dias seguintes foram destinados a realização de mais uma ação do Farmacêutico Pai D’Égua. No dia 9.06, participei da preparação dos colegas voluntários no treinamento organizado pelo Grupo de Trabalho Pai D’Égua, que abriram mão de atividades individuais pensando na sociedade. No dia seguinte, 10.06, ocorreu a terceira edição do Farmacêutico Pai D’Égua na região.

 

Recolher 676kg foi alarmante. Mas mostrou tanto o comprometimento da sociedade em dar um passo rumo à diferença, quanto tranquiliza saber que retiramos mais de meia tonelada de medicamentos cujo destino seria incerto.

 

Logo voltando a Belém, pude me reunir, no dia 12.06, com o Procurador-Geral de Justiça do Estado, Dr. Gilberto Valente Martins, que gentilmente nos recebeu para discutir a inclusão do farmacêutico no sistema de justiça do estado em diferentes sentidos. Juntos conversamos sobre a necessidade de garantia do cumprimento da Resolução 298/2016 do CNJ, que permite a participação do farmacêutico no Comitê Estadual de Saúde como colaborador do núcleo de apoio técnico ao Poder Judiciário, ressaltando principalmente que a sociedade vai ser sempre a maior beneficiada com a prestação de serviços prestadas pela nossa categoria. Agora é trabalhar para que esses pequenos passos tragam grandes resultados palpáveis e favoráveis à profissão farmacêutica e à sociedade.

 

No dia seguinte, participei de mais uma atividade junto aos estudantes de farmácia da UNAMA, no Ciclo de Palestras da Universidade da Amazônia, falando um pouco sobre o Panorama da Profissão Farmacêutica no estado do Pará. Na oportunidade, pude debater a respeito das áreas de atuação do profissional farmacêutico, o conhecimento das diversas potencialidades que o estado oferece à categoria e, também, interagir com os alunos da IES.

 

Já no dia 14.06, pude representar o CRF/PA em uma reunião proposta por nós e que motivou o encontro entre as autoridades da Vigilância Sanitária, Secretaria de Saúde, Câmara Municipal, empresários do setor farmacêutico e os farmacêuticos do município de Parauapebas. Tratamos sobre a Lei que institui o Plantão obrigatório nas Farmácias do município, que deverão funcionar 24h/dia em regime de Plantão Noturno. Ao final, conseguimos a revisão adequada do Projeto de Lei que prevê a obrigatoriedade da iniciativa do Plantão Farmacêutico. Queremos adaptá-la de forma que esta ofereça, sim, serviços à população, oportunizando a aplicabilidade adequada da Lei 13.021/2014. E, também, tratando a segurança da população e do profissional com a devida importância.

 

Das ações já consagradas pelo CRF/PA, tivemos a oportunidade de assinar mais um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) – dessa vez no município de Itupiranga, que agora passa a contar com assistência farmacêutica de forma integral durante o horário de funcionamento dos estabelecimentos, aumentando assim, a prestação de serviços à população.

 

Outro evento foi a terceira edição do Curso de Atualização Farmacêutica realizado em Barcarena, no dia 19.06. Momento em que tive a oportunidade de conversar com os colegas do município e a honra de cumprir a promessa feita na última edição do Plantão da Diretoria – um curso nos padrões de qualidade do CRF/PA.

 

No dia 29.06, me desloquei até Marabá e convoquei em nome do CRF/PA, todos os proprietários e Farmacêuticos de Marabá, bem como as principais autoridades sanitárias do município para discutir situações relacionadas ao desempenho profissional dos colegas da região. Saímos de lá com um momento extremamente positivo de construção. Momento em que pudemos mostrar para a sociedade de forma geral que a presença do farmacêutico é imprescindível para a sociedade.

 

Por fim, no dia 31.06, realizamos a décima edição do Ciclo de Conferências em Ciências Farmacêuticas do Sul do Pará, no município de Redenção. Tivemos a oportunidade de receber grandes autoridades técnicas da profissão farmacêutica no Brasil e mostrar novos potenciais, caminhos e momentos da profissão e a importância do empreendedorismo – e hoje pude estar presente e acompanhar o momento junto aos colegas.

Julho 2017

Caros colegas,

 

O mês de julho que pra muitos simboliza férias para nos significou mais trabalhos e novos projetos. Terminamos um semestre em alta, semestre esse que passou rápido demais, mas que foi proveitoso no olhar profissional. Mais um mês que trabalhamos intensamente em prol da categoria e buscamos qualificar nosso trabalho para melhor representa-los.

 

Comemoramos neste mês mais um ano da nossa casa. São 56 anos de história, sendo casa de mais de 4 mil colegas farmacêuticas. E para celebrar esse momento, realizamos o XVI Ciclo de Conferências em Ciências Farmacêuticas, no dia 5.08, com duração o dia inteiro no Teatro Maria Silva Nunes, na Estação das Docas.

 

Além disso, nossa primeira atividade do mês, no dia 03.08, representa bem essa representação: participei de encontro com as associações regionais e cooperativas, para iniciar um amplo debate sobre o cooperativismo desenvolvido pelos farmacêuticos. Pudemos discutir situações pertinentes à Responsabilidade Técnica, questões salariais e outros assuntos pertinentes.  E esse é apenas o primeiro passo, afinal, mais debates dessa natureza envolvendo outros atores ocorrerão na capital e no interior do estado.

 

No dia seguinte, tive a honra de receber a Sra. Nedir Mendes Alves, analista de Projetos Sociais da Sociedade Bíblica do Brasil, para mais uma novidade no calendário do CRF/PA: a edição do evento Farmacêutico Pai D’Égua voltada às ilhas do entorno de Belém, que acontecerá no início de agosto. É a oportunidade de levar as práticas do evento a quem precisa de um cuidado farmacêutico.

 

Em relação às habituais atividades, realizamos três cursos de Atualização Farmacêutica, nos municípios de Itaituba (13.07), Novo Progresso (14.07) e Altamira (15.07). O curso de atualização faz parte da caminhada de qualificação do CRF/PA e é o momento de se conectar com os colegas das regiões. Tivemos ainda a satisfação de assinar mais um Termo de Ajustamento de Conduta, dessa vez no município de juruti – já são 38 TAC’s assinados e a certeza do avanço da profissão.

 

Estive presente em dois Plantões da Diretoria, em Abaetetuba (18.07) e Paragominas (21.07). Na ocasião, pude realinhar com os colegas farmacêuticos dos municípios questões referentes ao TAC, proposições de fiscalização, sugestões para momentos de capacitação e muito mais coisas, sempre em prol do avanço.

 

Julho também foi mês de muitas reflexões sobre como podemos avançar e inovar no que fazemos. Em viagens e discussões com a categoria, percebemos que, mesmo representando a maioria dos inscritos no CRF/PA, nossas colegas farmacêuticas ainda não tinham nenhum projeto direcionado exclusivamente a elas.

 

Por isso, no dia 20.07, convidei algumas colegas que prontamente se voluntariaram a participar de um momento de construção do projeto voltado para elas e batizado de FARMACÊUTICA MARAVILHA. Um projeto que terá como foco a educação, saúde e cuidado ao paciente! E muito em breve todos serão atingidos por mais essa iniciativa do CRF/PA dedicado às colegas que transformam a nossa profissão. Fiquei muito feliz, honrado e orgulhoso de ter participado desse momento que tenho certeza que será um marco para a profissão farmacêutica no estado do Pará – em especial para as mulheres.

 

Por fim, desejo um excelente segundo semestre a todos, que agosto nos trague as execuções de todos os projetos e que muitos outros sujam durante nossa caminhada.

Agosto 2017

Caros colegas de profissão,

 

Mais um mês que me reporto a vocês para falar sobre as atividades realizadas mensalmente. Agosto foi um mês extremamente agitado e importante, não apenas para a categoria, mas também para a sociedade. Conseguimos implementar novos projetos, como o Farmacêutico na Ilha, além de levar até o interior do estado informações sobre consultórios farmacêuticos.

 

Primeiramente gostaria aqui de falar de um trabalho dignificante e que foi motivo de muito orgulho: o Farmacêutico Pai D’Égua na Ilha. No dia 12.08, o CRF/PA, junto com mais de 30 voluntários, entre farmacêuticos e estudantes, marcamos presença na Ilha Grande, aos redores de Belém. Na ocasião, levamos até as comunidades da região atendimento básico de saúde, testes gratuitos de glicose, pressão e hepatite B e C, além da coleta de medicamentos em desuso e orientação sobre o descarte correto.

 

Foi indescritível olhar para as pessoas sem assistência e cuidado, e poder oferecer um pouco dos serviços farmacêuticos, mostrando a suma importância da nossa profissão. Nós, farmacêuticos, ainda termos muito o que oferecer pela sociedade do estado do Pará. E em oportunidades como essas podemos fazer a diferença.

 

Realizei também, junto a membros da Diretoria, Plantões da Diretoria em Capanema (10.08) e Castanhal (14.08). Os Plantões são de extrema relevância para alinhar algumas questões relacionadas à fiscalização, divergências de interpretação no que diz respeito às resoluções profissionais e sanitárias. Em Castanhal, tive a oportunidade de debater mais sobre as propostas de empreendedorismo a partir das Cooperativas de atividades farmacêuticas.

 

No dia 16.08, estive na Assembleia Legislativa do Pará para reunir com o presidente da Comissão de Saúde da ALEPA, o Dep. Jacques Naves, para discutir o Projeto de Lei de Serviços Farmacêuticos apresentado pelo Dep. Milton Campos, em 2016. O debate que leva à construção de uma moderna legislação para as farmácias e drogarias do estado foi muito positivo. E, após intensas discussões, o Deputado comprometeu-se a emitir parecer favorável ao Projeto de Lei de Serviços Farmacêuticos no Pará!

 

No dia seguinte (16.08) demos início a um novo trabalho no CRF/PA para garantir o cumprimento efetivo do Art. 11 da Lei 13.021/14 pelas instâncias públicas do Pará. Apresentamos o relatório das inspeções realizadas das Unidades de Saúde de Santarém para a Promotoria Municipal. 97% das Unidades de Santarém não tem condições para o desenvolvimento adequado das atividades do farmacêutico. E é em favor do farmacêutico que o Conselho vai lutar e brigar.

 

Para finalizar, desempenhamos uma verdadeira maratona pelo interior do estado, levando até os municípios de Castanhal (24.08), Paragominas (24.08), Tucuruí (26.08), Redenção (28.08) e Parauapebas (29.08) o projeto Farmacêuticos S.A. Com a abordagem de consultórios farmacêuticos, os cursos foram ministrados pelo Dr. Paulo Vicente, a quem sou muito grato, e lotou as salas pelas quais passamos.

 

A caminhada foi longa, mas tenho a certeza que foi extremamente produtiva tanto para nós, quanto para os farmacêuticos da região. Agradeço a todos que seguem firme ao lado do CRF/PA, colaborando para o crescimento da categoria em todo o estado. Com Deus à frente e foco no projeto e tudo dará certo.

Setembro 2017

Caros Colegas,

 

O mês de setembro tornou-se cada vez mais significativo para a categoria farmacêutica. Neste mês, celebramos o Dia Internacional do Farmacêutico. Mais uma das datas emblemáticas da profissão que sempre é marcada por uma homenagem a vocês, colegas. E, esse ano, realizamos duas edições do Farmacêutico Pai D’Égua e colocamos em prática novos projetos.

 

Logo no início do mês, 01.09, promovemos a VIII edição do Workshop de Farmácia Hospitalar – evento que surgiu por demanda espontânea dos farmacêuticos hospitalares, em busca de mais conhecimento sobre o cuidado farmacêutico voltado ao paciente crítico e maior capacitação no setor.

 

Já no dia 05.09, tive a oportunidade de assinar mais um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) – dessa vez no município de Cametá. Mais uma assinatura que mudará a vida de muitas pessoas e garantirá empregabilidade aos profissionais farmacêuticos do município.

 

Uma grande satisfação também é poder falar sobre os rumos que o projeto Farmacêutico Pai D’Égua tomou. Neste mês, realizamos a quarta edição do projeto em Belém, nos dias 23 e 24.09, e batemos um recorde ao tirar das ruas mais de 750kg de medicamentos.  E, além de Belém, na semana seguinte a ação também ocorreu em Marabá, no dia 30.09, retirando cerca de 100kg de medicamentos e atendendo demandas da população. Além da continuidade aos desdobramentos do Farmacêutico Pai D’Égua, que no dia 08.09, dominou a Escola Alfa no Pai D’Égua na Escola. Além disso, também no Colégio Alfa, demos start em um novo evento: o Farmacêuticas Maravilha! Na ocasião, as voluntárias puderam conversar com os alunos e mostrar importância diária do Farmacêutico ocupando os espaços que nos são de direito e de dever.

 

E em Setembro estivemos em Marabá não apenas para a realização do Farmacêutico Pai D’Égua, mas também para outras atividades do CRF/PA. No período de 13.09 à 15.09, tive a oportunidade de participar de três momentos: uma reunião com os proprietários de farmácias do município para debater sobre os procedimentos da nossa fiscalização e alinhamento de questões administrativas; outra reunião com a Vigilância Sanitária do Município para discussão de algumas ações inerentes ao Serviço Farmacêutico no município como, por exemplo. a regulamentação do Consultório Farmacêutico, Serviço Farmacêutico, e uma série de outras possibilidades para os estabelecimentos do município; e, por fim, o XI Ciclo de Ciências Farmacêuticas no Sudeste do Estado, nos dias 14 e 15.09, a fim que sempre qualificar cada um de vocês. Poder estar presente nesses momentos é bastante gratificante. Afinal, o trabalho intenso aliado ao contado e a recepção de feedbacks e demandas motiva a nossa caminhada em busca de uma profissão cada vez mais forte.

 

E não paramos por aí! Como bem citado anteriormente, setembro é o mês que celebramos o Dia Internacional do Farmacêutico, no dia 25.09, momento em que podemos agradecer e prestigiar toda a categoria pelo amor à profissão e ao cuidado com a sociedade. E para comemorarmos esse dia, realizamos na capital paraense, o XIV Seminário Belém de Ciências Farmacêuticas, com a presença do Dr. Max Viana ministrando uma excelente palestra.

 

Por fim, como mais um resultado dos TAC’s e da equipe de fiscalização reuni, no dia 26.09, com o Prefeito de Paragominas, Paulo Tocantins, e o Secretário Municipal de Saúde, Flávio dos Santos Garajau, para tratar os resultados das últimas inspeções que nós fizemos nas Unidades Públicas de Paragominas, Hospital Municipal e Unidade de Pronto Atendimento e diversos outros assuntos pertinentes a categoria farmacêutica e seu crescimento. Fiquei satisfeito com o resultado desta reunião e na esperança de melhoras para os profissionais de Paragominas!

 

Enfim, desejo a todos um excelente mês de outubro, mês de homenagem a Nossa Senhora de Nazaré e agradecer por todos os frutos colhidos. Um excelente Círio!

Outubro 2017

Caros Colegas farmacêuticos,

 

Terminamos mais um mês de 2017, outubro, assim como todo o ano, foi repleto de trabalho e atividades para a categoria farmacêutica. Realizamos cursos, palestras, reuniões extremamente produtivas, entre diversas outras atividades.

 

Para recapitular um pouco, destaco os três Cursos de Atualização realizados nesse mês, em Altamira (04.10), Parauapebas (26.10) e Marabá (27.10). Com esses cursos atingimos a marca de 45 cursos de capacitação apenas em 2017, levando mais conhecimento aos quatro cantos do estado do Pará.

 

Além dos cursos de educação continuada, realizamos a segunda edição do Workshop de Farmácia Estética, tanto em Belém quanto em Santarém (17 e 18.10, respectivamente) e atendemos a diversas demandas da categoria no primeiro Simpósio de Judicialização, que ocorreu no dia 31.20 e contou não apenas com a presença de farmacêuticos, mas como promotores e outros profissionais da envolvidos no assunto.

 

No dia 10.10, participei de reunião no Ministério Público com o promotor Marco Aurélio Nascimento, que coordena o Centro de Apoio Operacional Constitucional do MPE. Discutimos a ampliação dos termos do convênio que, em breve, será firmado entre o Ministério Público do Estado e o CRF/PA visando coibir cada vez mais as más condições oferecidas ao exercício da profissão farmacêutica, reforçando a obrigatoriedade da presença dos farmacêuticos em todos os estabelecimentos e protegendo a sociedade conforme o previsto na Lei 13.021/2014.

 

Pela tarde do mesmo dia, tive a honra de participar do TalkShow Farmácia, organizado pela coordenação do curso de Farmácia da UNAMA BR. Foi uma oportunidade de expor um pouco do panorama da profissão farmacêutica no estado do Pará e prolongasse um debate amplo e irrestrito sobre diversos temas pertinentes à profissão farmacêutica.

 

Por fim, duas novidades relacionadas ao desenvolvimento e ampliação do nosso trabalham ocorreram em outubro. A primeira foi a doação definitiva do terreno para a próxima seccional que será construída em Redenção, com as obras prestes a começarem. A segunda destina-se à Castanhal com mais uma Seccional para representar e atender o Nordeste do estado, local que atenderá mais de 300 farmacêuticos que residem na região e arredores.

 

Que novembro nos reserve outras grandes conquistas! O trabalho por aqui é contínuo em busca de resultados e melhorias para a nossa profissão. Agradeço sempre a Deus em primeiro lugar e a todos os colegas que batalham em conjunto diariamente.

Novembro 2017

Caros colegas,

 

Chegamos ao fim do mês de Março, encerramento do primeiro trimestre de 2018, do qual me orgulho muito. Março foi um mês de grandes conquistas e, principalmente, de novas experiências e crescimento.

 

Já no primeiro dia do mês (01.03) realizamos mais uma edição do Plantão da Diretoria, dessa vez em Parauapebas. Em um momento dinâmico, movimentado e prestigiado pelos colegas do município, pudemos abordar uma série de informações atinentes ao município – principalmente envolvendo as atividades do CRF/PA. Outros municípios que também receberam o plantão foram Tailândia (07.03), Cametá (22.03) e Canaã dos Carajás (29.03).

 

Dia 09.03 tive a oportunidade de participar do XV Ciclo de Conferências em Ciências Farmacêuticas do Oeste do Pará, um momento extremamente bacana de debate e reapresentar os colegas do Oeste do Pará profissionais do mais alto gabarito promovendo interação técnica, científica e sobretudo cultural.

 

No dia 15.03 foi a vez do município de Rio Maria ganhar mais direitos e dar um passo em direção ao avanço. Foi assinado TAC pelo Dr. Franklin Miranda Souza, conselheiro do CRF/PA e representante da instituição no ato, além da colaboração e apoio do Ministério Público, representado pelo Promotor de Justiça Franklin Jones Vieira da Silva.

 

Mesmo diante de tantas atividades administrativas, tive a honra participar do Dia D promovido pelo Centro Acadêmico de Farmácia da FIBRA em parceria com a Coordenação do curso de Farmácia da IES que ocorreu no dia 20.03. Pude conversar um pouco sobre o panorama da profissão farmacêutica, os desafios da administração do CRF/PA E de conduzir toda a comunidade farmacêutica do Estado do Pará de acordo com um rumo concreto – sempre baseado no que precisa ser feito para que cada vez mais o farmacêutico seja valorizado e reconhecido como imprescindível para a nossa sociedade.

 

Me senti muito feliz pela grande conquista que pudemos fazer nos municípios de Altamira (21.03) e Castanhal (27.03) que receberam sua primeira edição do Ciclo de Conferências Farmacêuticas. Um evento que agrega diversos colegas dessa região tão importante e estratégica para consolidação dos serviços farmacêuticos no estado do Pará!

 

Para finalizar as atividades de março e ainda envolvido com a graduação, no dia 28.03 foi um dia extremamente diferente e satisfatório na nossa sempre intensa rotina do CRF/PA. Por meio de iniciativa da nossa conselheira eleita, Dra. Nazaré Alencar, recebemos aproximadamente 40 estudantes do curso de farmácia do CESUPA na sede do CRF/PA.

 

Pudemos mostrar cada área de atuação interna, falar um pouco sobre a rotina do Conselho, sanar dúvidas e falar um pouco sobre o panorama da nossa profissão aos nossos futuros colegas. Queria agradecer à Dra. Nazare Alencar por ter tomado frente e proporcionado esse momento maravilhoso, e aos Drs. Conceição Dantas e Deick Quaresma por acompanhar o grupo conosco.

 

Agradeço primeiramente a Deus, pela oportunidade de poder dar o meu melhor e à categoria farmacêutica por depositar sua confiança no nosso trabalho. E vamos com Deus à frente e foco no projeto!

Dezembro 2017

Prezados colegas farmacêuticos,

 

 Chegamos ao fim de mais um ano e só tenho a agradecer a Deus e a todos que estiveram presentes nessa grande caminhada. Diante das inúmeras ações realizadas pelo CRF/PA no ano de 2017, posso dizer que estou muito grato a todos que estiveram conosco, apoiando e incentivando a busca por avanços na classe farmacêutica.

 

Logo no dia 01.12, depois de uma intensa jornada administrativa em Brasília, me desloquei ao município de Paragominas para conversar com os colegas farmacêuticos sobre dois assuntos importantíssimos: primeiramente sobre a presença dos farmacêuticos na rede pública do município e, posteriormente, o cumprimento da Lei 13.021/14. Na oportunidade, entregamos ao Prefeito e Secretário de Saúde do município, o relatório de fiscalização realizado em todas as unidades públicas, para garantir que tenhamos mais oportunidades e respeito à profissão.

 

Logo em seguida, participei do Plantão da Diretoria com o propósito de conversar com os colegas farmacêuticos sobre diversos assuntos.

 

No dia 04.12, foi o dia de celebrar o Dia Municipal do Farmacêutico em Tucuruí com atividades intensas ao longo do dia. Participei de entrevista na tradicional Rádio Floresta e pude comunicar para toda sociedade de Tucuruí a real importância desse dia, e na oportunidade, também tive o prazer de anunciar a criação do primeiro Ciclo de Conferências da região do Lago de Tucuruí – uma iniciativa para consolidar a importância da região para todos nós farmacêuticos.

 

Na manhã do dia 06.12, estive presente também na Semana Acadêmica do Centro Universitário do Pará – CESUPA, onde recebi um generoso convite para conversar um pouco sobre a LEI 13.021/14 e perspectivas para a profissão farmacêutica. Falar sobre a Lei 13.021/14 é sempre um momento prazeroso, por ser uma lei tão expressiva e presente no cotidiano dos colegas farmacêuticos.

 

Em seguida foi um momento de comemoração. No dia 07.12 assumi a direção do CRF/PA como presidente pelos próximos dois anos e como conselheiro para o segundo quadriênio (2019-2022). Agradeço, novamente, a todos os colegas que depositaram a confiança no trabalho e espero que possa atender aos anseios da nossa tão amada profissão.

 

Além disso, firmamos grandes parcerias no meio do mês! Tive a oportunidade de, no dia 12.12, me reunir com a Dra. Ana Suely Saraiva, farmacêutica e presidente do Centro de Hemoterapia e Hematologia do Pará (HEMOPA). Na oportunidade, pudemos discutir as inúmeras possibilidades de atuação do farmacêutico na área e o quão é fundamental e indispensável a presença do profissional.

 

Por fim, no dia 21.12 estive reunido com o diretor geral e chefias de várias divisões do Laboratório Central do Estado, para conversar um pouco sobre a necessidade de melhoria do relacionamento entre o CRF/PA e este segmento tão importante que são as análises clínicas e laboratoriais.

 

Diversas pautas foram construídas para que possamos aplicá-las ao longo dos próximos anos, e espero contar com a participação dos colegas farmacêuticos da LACEN de maneira ativa nesse processo.

 

Ano marcado de intenso trabalho. Agradeço a todos os farmacêuticos pelo apoio, e desejo a vocês e suas famílias um feliz natal  e próspero ano novo! Que 2018 seja repleto de vitórias!