CRF-PA | Câmara obriga farmácia a ter farmacêutico em tempo integra
Acesse os serviços online em qulaquer lugar
Conselho regional de farmácia do Estado do Pará
5355
post-template-default,single,single-post,postid-5355,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,footer_responsive_adv,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-11.2,qode-theme-bridge,bridge-child,wpb-js-composer js-comp-ver-6.10.0,vc_responsive
 

Câmara obriga farmácia a ter farmacêutico em tempo integra

Câmara obriga farmácia a ter farmacêutico em tempo integra

Legislação atual prevê apenas que a presença de um “responsável técnico”

A Câmara dos Deputados aprovou no início da noite desta quarta-feira (2), um projeto de lei que obriga as farmácias do País a dispor de ao menos um farmacêutico durante todo o horário de funcionamento do estabelecimento. A proposta precisa ser analisada agora pelo Senado Federal. O texto também obriga as farmácias a repor o farmacêutico que tenha se desligado do emprego em até 30 dias.

O presidente do Conselho Federal de Farmácia, Walter da Silva Jorge, disse que a ideia é ter estabelecimentos como prestadores de serviço para assistência à saúde.

De acordo com ele, a legislação atual prevê apenas que a presença de um “responsável técnico”, o que abre brecha para que algumas farmácias contratem profissionais de nível médio. Já o farmacêutico precisa passar por curso superior e ter registro no conselho.

Fonte: R7 saúde

Nenhum comentário

Deixe um comentário