CRF-PA | Assessora quer mais estudos sobre o Farmácia Popular
Acesse os serviços online em qulaquer lugar
Conselho regional de farmácia do Estado do Pará
7189
post-template-default,single,single-post,postid-7189,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,footer_responsive_adv,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-11.2,qode-theme-bridge,bridge-child,wpb-js-composer js-comp-ver-6.10.0,vc_responsive
 

Assessora quer mais estudos sobre o Farmácia Popular

Assessora quer mais estudos sobre o Farmácia Popular

A assessora do Conselho Nacional dos Secretários de Saude, Lore Lamb, defendeu há pouco o apronfundamento dos estudos sobre o programa Farmácia Popular, a fim de que se possa avaliar de forma mais cuidadosa o que vem acontecendo em relação ao projeto.

Lore afirmou que alguns relatos dos gestores do Consórcio Paraná Saúde dão conta de que, a partir de 2011 e 2012, os municípios estão tendo mais dificuldades na aquisição de alguns medicamentos para as farmácias básicas, e não conseguem mais os preços que vinham conseguindo anteriormente, que eram mais baixos. “Entretanto, não foram feitos estudos que vinculam essa escassez e essas dificuldades ao programa Farmácia Popular”, disse.

A assessora participa de audiência pública promovida pela Comissão de Seguridade Social e Família para discutir a situação do Farmácia Popular. O debate prossegue no Plenário 7

Fonte: Agência Câmara de Notícias

 

Nenhum comentário

Deixe um comentário