ENTREVISTA FARMACÊUTICA aborda impactos da assistência farmacêutica no planejamento financeiro dos Municípios — CRF-PA
Acesse os serviços online em qulaquer lugar
Conselho regional de farmácia do Estado do Pará
3287
post-template-default,single,single-post,postid-3287,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,footer_responsive_adv,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.2,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.2.1,vc_responsive
 

ENTREVISTA FARMACÊUTICA aborda impactos da assistência farmacêutica no planejamento financeiro dos Municípios

ENTREVISTA FARMACÊUTICA aborda impactos da assistência farmacêutica no planejamento financeiro dos Municípios

Os impactos positivos da assistência farmacêutica (medicamentos, produtos para a saúde e serviços) na saúde da população e no planejamento financeiro dos Municípios, quando prestada corretamente, é proporcional aos prejuízos, quando ela é deficiente. A observação é do farmacêutico DR. ÉVERTON BORGES. 

Ele é o convidado da “Entrevista Farmacêutica” desta quarta-feira (13.09.17) para falar sobre o assunto. A entrevista vai ao ar, a partir das 15h30, pela “Rádio Nacional da Amazônia” (Ondas Curtas 11.780 KHz e 6.180KHz), emissora da EBC (Empresa Brasil de Comunicação). Esta entrevista será editada e veiculada, também, por uma rede formada por 2.205 emissoras de rádio localizadas, em todo o Brasil e, também, nos Estados Unidos (Flórida e Connecticut), Argentina, Uruguai, Paraguai e Guiana. A rede é liderada pela “Agência Radioweb”.

O ENTREVISTADO – Farmacêutico-bioquímico pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), DR. ÉVERTON BORGES tem especialização em Gestão da Assistência Farmacêutica pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) é um estudioso dos impactos da assistência farmacêutica, nos Municípios, e da questão da judicialização da saúde. Integra o Grupo de Trabalho de Farmacêuticos no Sistema de Justiça do Conselho Federal de Farmácia (CFF) e coordena o grupo de agentes fiscais do fórum que reúne 27 conselhos de profissões regulamentadas cujo foco é promover o fortalecimento da fiscalização.

DR. ÉVERTON BORGES dirá, na entrevista, o que os gestores devem fazer, na composição do orçamento municipal, para que a assistência farmacêutica seja contemplada com abrangência. “Muitos Municípios são carentes de técnicos e fartos de políticos ocupando cargos na assistência farmacêutica, razão pela qual esses lugares não conseguem desenvolver bons projetos para o setor”, observa BORGES. Lembra esses políticos sequer sabem planejar e buscar recursos federais para a assistência.

A “Entrevista Farmacêutica” é um esforço conjunto do CFF e da “Rádio Nacional da Amazônia”/EBC, com o objetivo de levar à população informações em saúde, com um sentido de utilidade pública. É idealizada e produzida pelo jornalista Aloísio Brandão, assessor de imprensa do CFF, e apresentada pela jornalista Artemisa Azevedo, da EBC.

CLIQUE AQUI E OUÇA A “ENTREVISTA FARMACÊUTICA” AO VIVO. Assim, você acessará a página da EBC. Em seguida, clique em “ouvir”.

Para ter acesso às entrevistas gravadas, entre na página do CFF (www.cff.org.br) e acesse o link para a “Entrevista Farmacêutica”.

Fonte: CFF

Nenhum comentário

Deixe um comentário