Cerimônia de posse das Comissões e Câmaras Técnicas do biênio 2018/2019 — CRF-PA
Acesse os serviços online em qulaquer lugar
Conselho regional de farmácia do Estado do Pará
975
post-template-default,single,single-post,postid-975,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,qode_grid_1300,footer_responsive_adv,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.2,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.2.1,vc_responsive

Cerimônia de posse das Comissões e Câmaras Técnicas do biênio 2018/2019

Com a presença da diretoria do CRF/PA, ontem, 08.05, foi dia de reunir com todas as Comissões e Câmaras Técnicas para cerimônia de posse do biênio 2018/2019.

Ao todo, são 12 grupos entre câmaras e comissões técnicas que representam um segmento farmacêutico específico. O principal objetivo desses grupos é organizar e planejar ações que melhorem a profissão farmacêutica e o atendimento à sociedade. Detectar problemas e desenvolver possíveis soluções, inovando em projetos e atividades voltadas à cada segmento.

Com mais de 100 pessoas presentes no auditório do Hotel Sagres, diálogo não faltou. O presidente do CRF/PA, Dr. Daniel Jackson Pinheiro Costa, conduziu a tarde em uma amigável conversa, apresentando o papel de cada comissão e câmara, permeando por todas as áreas, escutando as primeiras ideias dos convidados e já debatendo os passos futuros.

O primeiro contato teve um resultado positivo e entusiasmante e já foi possível sentir uma atmosfera de mudanças.  A partir de agora é colocar em prática as diretrizes mínimas exigidas e buscar o avanço da profissão como um todo.

Segundo a Dra. Tainá Guimarães Barros, integrante da Comissão de Ética Profissional do CRF/PA, a cerimônia de nomeação para este biênio foi eficaz para apresentação dos profissionais envolvidos, assim como também delineou pontos críticos e estratégicos da profissão farmacêutica na conjuntura atual. “Muito nos alegrou sentir a nossa coesão como farmacêuticos, que compreendem e louvam o amplo campo de atuação profissional. Reafirmamos, coletivamente, nossa paixão pela nobre profissão no engajamento pelo fortalecimento das áreas de atuação enfraquecidas”, afirma.

Nenhum comentário

Deixe um comentário